sábado, 22 de abril de 2017

Cia da Bobagem pela primeira vez no SESC Bauru com o espetáculo A2!!!

Dia 30/04/2017
Às 15h na área de convivência.
Livre e gratuito.

No SESC Bauru : Avenida Aureliano Cardia, 6-71, Vila Cardia BAURU | CEP: 17013-411. 




Sinopse:

A2 é o encontro entre dois palhaços a partir da temática do amor e todas as suas possibilidades. Ele, Zuleico. Ela, Florisa. Curiosos, eles vão ampliar o ponto de vista dos encontros amorosos que, por vezes, se tornam loucos, inocentes e imprevisíveis. Eles se apresentam como figuras cômicas que interagem com o público, mostrando suas excentricidades e habilidades através do jogo em dupla, da improvisação, do momento presente, do ridículo, da música e de elementos espetaculares.


Ficha técnica:

Palhaços : Marisa Riso e Rafael Marques - Florisa e Zuleico
Concepção/Criação : Marisa Riso e Rafael Marques
com a colaboração de Françoise Danno/FR e Valério Apice/IT
Cenário : ESL Montpellier e Marco (Friche de Mimi)/FR
Figurino/ Maquiagem : Cia da Bobagem
Cia da Bobagem participa do VI Simpósio Internacional organizado pelo LUME Teatro de Campinas/SP nos dias 14 a 17 /02 / 2017. Comunicação, tradução e composição de mesa de debate sobre o Circo. E agradavelmente convidamos nosso orientador de doutorado e pesquisador fracês sobre circo Philippe Goudard para participar do evento.





sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Estreia da Cia da Bobagem em Bauru com o espetáculo A2!!!

Na XVI Mostra de Teatro Paulo Neves em Bauru.

Dia 21/01/2017
Hora: 20h30
Classificação : Livre
Espaço Protótipo - R. Monsenhor Claro, 2-57 - Centro, Bauru
Ingressos: R$ 16,00 / R$ 8,00
Pela MegaBilheteria.com ou na Casa de Cultura ou na bilheteria (uma hora antes do espetáculo.)


terça-feira, 25 de outubro de 2016




Oficina de comicidade internacional : "A perigosa arte de ser tolo"

OBJETIVO:

Desenvolver a comicidade por meio de uma abordagem contemporânea da arte do palhaço. Explorar o excêntrico, o risível e o ridículo de cada um por meio da comicidade física, de situações e de jogos.

Marie Frignani

Atriz e Palhaça. Formada na Escola de palhaços Samovar em Paris/FR. Co-fundadora e palhaça do grupo Colectihihihif sediado em Montpellier-FR onde participou de diversos festivais na Europa.

Local: Casa de Cultura Celina Neves
Rua Gerson França, 6-66, centro, Bauru.
Datas: 06 e 13 /11/2016 (domingos)
Horário: 10h às 17h ambos os dias

Inscrições:
Enviar seu Currículo, ter mais de 18 anos e disposto para práticas corporais.

Investimento: R$ 50,00 - alunos Casa de Cultura Celina Neves
R$ 60,00 – público em geral
Pagamento em parcela única ou de duas vezes : entrada para garantir a sua vaga e segunda parcela no dia 06/11/2016.

Produção:
Cia da Bobagem

Parceria:
Casa de Cultura Celina Neves











quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Ela, Marisa Riso, no Seminário de Pesquisas da Unicamp




Mesa do Seminário de Pesquisas - Programa de Pós Graduação em Artes da Cena - UNICAMP


Desmontando a palhaçada: quanta bobeira!
com: Ana Elvira Wuo, Cassandra Ormachea, Luciane Olendzki, Marisa Riso e Renata Volpato

Departamento de Artes Cênicas/Unicamp - sala AC11
Rua Pitágoras, 500, Barão Geraldo, Campinas

Trágico da alegria, idosos em casa de repouso, ritual de iniciação, autodesenvolvimento pessoal, transgressão - o que tudo isso tem a ver com a arte do palhaço? Afinal, que palhaçada essa? Palhaças pesquisadoras desmontam suas pesquisas sem seriedade a partir de suas experiências específicas envolvendo múltiplas abordagens e interesses. Uma palhaça frequenta casas de repouso para investigar a condução de jogos cênicos e a criação dramatúrgica com idosos. Outra palhaça pergunta-se sobre o trágico da alegria e afirmação da vida na arte clownesca e resolve enfrentar a temática da morte em exercícios de composição clownesca. Mais uma palhaça que em suas práticas pedagógicas e artísticas evidencia os aspectos do autodesenvolvimento pessoal e potencializador de alegria, espontaneidade e presença na arte do clown. Ainda há a palhaça que como iniciadora de outros palhaços perscruta os desdobramentos da experiência e o ritual da iniciação, retornando aos mestres e suas influências pedagógicas. Por fim, uma palhaça que veio das ruas belorizontinas, atravessou continentes e entrou nas portas da academia européia para cruzar os caminhos da prática e da teoria considerando o palhaço como provocador do riso e transgressor da ordem através do comportamento às avessas. Quanta palhaçada! Pesquisas acadêmicas que tratam do palhaço - um mesmo e tão diferente objeto de pesquisa - em desmontagens singulares.
Enfim, nada de seriedade é tudo bobagem.              

segunda-feira, 6 de junho de 2016


De 10 à 12 de junho, sexta de 18h30 às 22h, sab de 10h às 18h e dom de 10h às 22h
Investimento: 300 reais
Inscrições de 21 de maio à 08 de junho 
pelo email ciadabobagem@yahoo.com.br

Os artistas-palhaços da Cia da Bobagem propõem uma pedagogia voltada para a descoberta e aprofundamento do jogo do palhaço.
Destinada a artistas e interessados que buscam o desenvolvimento da comicidade através do diálogo entre técnicas tradicionais e contemporâneas, o curso “o palhaço e seus múltiplos” possibilita uma introdução e um desenvolvimento da arte clownesca.

PROFESSORES:

MARISA RISO
Palhaça, atriz e professora. Doutoranda em artes cênicas na Universidade Paul-Valéry em Montpellier na França em cotutela com a UNICAMP sob orientação de Renato Ferracini do LUME. Concluiu o mestrado na Université Paris 8 e Université Libre de Bruxelas em Spectacle Vivant com a bolsa de estudos européia Erasmus Mundus / 2010-2012. Graduação em Letras e Formação Complementar em Artes Cênicas / 2008, pela UFMG. Além de formação técnica em atriz pela Fundação Clóvis Salgado / Palácio das Artes, 2004 e participação no Oficinão do Galpão 2005. Curso de teatro com Tage Larsen (Odin Teatret) no Théâtre du Soleil - Cartoucherie em Paris/2012. Formação permanente em clown pelo Centro Nacional de Artes do Circo (CNAC) em Châlons en Champagne /França em 2012. Realizou um estágio na Academie Fratellini / França em 2012. Participação no curso internacional de Commedia dell'arte com Carlo Boso pela Académie Internationale des Arts du Spectacle (AIDAS) em Versailles / França em 2012. Cursos de utilização e construção de máscaras com a Familie Flöz / Berlim em 2014 e 2015.

RAFAEL MARQUES
Palhaço, ator, professor, pesquisador, produtor cultural e ex-advogado. Desde 2004 pesquisa, cria e desenvolve sua prática pedagógica e artística nas linguagens do palhaço e do teatro. Doutorando em artes cênicas pela Universidade Paul-Valéry em Montpellier / França. Bolsista da CAPES de doutorado pleno no exterior entre 2012 e 2015. Concluiu o mestrado em teatro pela Universidade Charles de Gaulle em Lille / França em 2011. Formado em Direito pela PUC / MG em 2001 e em Licenciatura em Artes Cênicas pela UFMG em 2006. Professor de Artes concursado da Prefeitura de Contagem / MG entre 2007 e 2010. Formação em clown no Centre National des Arts du Cirque (CNAC) em Châlons en Champagne / FR em 2012. Treinamento livre na Escola de Circo Académie Fratellini em Saint-Denis / FR em 2012. Curso de teatro com Tage Larsen (Odin Teatret) no Théâtre du Soleil -Cartoucherie em Paris / 2012. Participação no curso internacional de Commedia dell'arte com Carlo Boso pela Académie Internationale des Arts du Spectacle (AIDAS) em Versailles / FR em 2012. Cursos de utilização e construção de máscaras com a Familie Flöz / Berlim em 2014 e 2015.

OBJETIVOS
OBJETIVO GERAL:

Criar um espaço para acessar a comicidade e desenvolver o jogo do palhaço com base na pedagogia do prazer.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
- Explorar e desenvolver as capacidades de expressão, através da arte do palhaço, do teatro, da improvisação e da música.
- Acessar o riso e o ridículo dos participantes.
- Trabalhar a generosidade e a ingenuidade.
- Explorar o olhar e a triangulação entre os jogadores e a platéia.
- Transmitir e experimentar a relação da dupla clássica de palhaços, o branco e augusto.
- Utilização da menor máscara, o nariz vermelho.

+ INFO : www.ciadabobagem.blogspot.com.br








quinta-feira, 12 de maio de 2016

Comemorando 9 anos de existência da Cia da Bobagem com várias apresentações, oficinas e bate- papos. Começa em BH e segue por Milho Verde até Poté no interior do estado.

Circulação 09 anos de Cia da Bobagem - 1ª etapa em BH
Centro Cultural Venda Nova (CCVN) e Parque Municipal A. Renné Giannetti

Dia 19/05, oficina “Palhaço e seus múltiplos”. De 14h às 16h.
Inscrições gratuitas pelo email: ciadabobagem@yahoo.com.br.

Dia 20, intervenções “Os Turistas” no Parque Municipal - Centro. De 15h às 16h 30.
Dia 21, A2 no CCVN às 10h30 seguido de bate papo.

Em breve mais informações.


Projeto realizado pelos editais : intercâmbio do Minc 2015 e Cena Minas 2015.
+ infos : ciadabobagem.blogspot.com ou
ciadabobagem@yahoo.com.br